X
Semana do Consumidor - Sesmo
Facebook Sesmo Instagram Sesmo LinkedIn Sesmo
ÁREA DO CLIENTE
TESTE GRÁTIS
HOME
QUEM SOMOS
SOLUÇÕES
CASES
BLOG
CONTATO

 

 

6 motivos para fazer gestão SST na sua empresa

A promoção da saúde e segurança no trabalho é uma preocupação constante. Ninguém quer trabalhadores afastados devido a acidentes ou doenças ocupacionais. Para isso, é fundamental fazer uma boa gestão SST na empresa.

A gestão SST se refere à organização de esforços e recursos, além do direcionamento destes para prevenir doenças, lesões e acidentes, entre outros aspectos que a empresa julgar pertinentes, proporcionando um ambiente de trabalho saudável e agradável.

6 motivos para fazer gestão SST na sua empresa: homem segurando capacete de proteção.

Os recursos direcionados, sejam eles humanos ou financeiros, devem contemplar todo o plano de gestão, desde a sua elaboração até a implementação, acompanhamento e revisão. Mas, se este ainda é um assunto que te deixa dúvidas, separamos 6 dicas para te mostrar a importância de fazer gestão SST na sua empresa:

1- Competitividade e credibilidade

Uma empresa com gestão SST possui credibilidade frente ao seus trabalhadores e ao mercado. Colaboradores que acreditam na preocupação da empresa com sua saúde e bem-estar trabalham mais motivados e tendem a ficar mais tempo no mesmo emprego.

Clientes que veem esse tipo de investimento em uma empresa percebem que ela é confiável, portanto, sentem-se mais seguros em fazer negócios.

Além disso, com baixo índice de acidentes e afastamentos, a empresa mantém sua competitividade ao evitar ausências no corpo de funcionários e o pagamento de multas, além da manutenção da carteira de clientes.

2- Melhoria da imagem da empresa

Boas práticas de segurança mantêm uma imagem positiva da empresa frente a fornecedores, clientes e colaboradores.

Muitos profissionais pesquisam sobre a política da empresa em relação a questões como saúde, bem-estar e segurança. Esse aspecto se tornou relevante atualmente, principalmente com a pauta da saúde mental sendo tão abordada.

A cultura da nova era do mercado de trabalho valoriza pessoas e empresas que se preocupam com o aspecto humano.

3- Saúde financeira e produtividade

Uma má gestão SST pode afetar a saúde financeira da sua empresa de várias formas. Ao não se adequar às Normas Regulamentadoras (NRs) e legislação vigente, a empresa fica submetida a multas e encargos por parte do governo.

Além disso, acidentes podem gerar afastamentos, o que diminui a produtividade da empresa, uma vez que menos pessoas estão exercendo a atividade, além do gasto com mão de obra temporária e despesas de saúde.

O contrário também acontece: trabalhadores seguros e felizes tendem a produzir mais e melhor. A gestão SST, portanto, deve ser vista como um investimento e não como prejuízo.

4- Planejamento = Sucesso

O planejamento faz parte de uma boa gestão, seja ele financeiro ou de etapas de implementação de um plano de prevenção a saúde e segurança do trabalho. Com ele, se evita surpresas, gastos inesperados, acidentes, multas e ausência de colaboradores.

6 motivos para fazer gestão SST na sua empresa: equipe dando as mãos.

A gestão SST envolve diversas partes para garantir o bem-estar dos trabalhadores, como identificação de riscos, elaboração de planos para minimizá-los, treinamento e capacitação para que sigam as normas de segurança, compra de EPIs, aquisição de um software para segurança do trabalho, entre outras coisas.

Um planejamento bem feito garante tanto o sucesso dos programas de prevenção, quanto que tudo aconteça dentro de um cronograma, com os recursos corretos direcionados para cada área e ação.

5- Adequação às normas e legislação

As Normas Regulamentadoras e a legislação trabalhista existem para proteger tanto o trabalhador quanto o empregador. Elas dizem respeito a várias questões, entre elas a saúde e segurança no trabalho.

A correta gestão SST garante que todas as regras aplicáveis ao seu negócio estejam mapeadas e sejam seguidas corretamente, além de manter uma atualização constante em caso de mudanças.

Uma mudança recente, por exemplo, é o envio de informações ao eSocial. Quando seguida de forma correta, a legislação protege a empresa em casos de processos trabalhistas e multas indevidas.

6- Cultura organizacional

Um plano de preservação da saúde e segurança no trabalho compreende o envolvimento dos funcionários. Afinal, seguir as regras depende deles.

A gestão desses aspectos fortalece a cultura da empresa, uma vez que os funcionários se sentem parte das ações e acabam por se tornarem multiplicadores das normas de segurança e disseminadores da cultura organizacional.

O envolvimento dos colaboradores e a preocupação com as questões envolvendo SST mostram que a empresa se preocupa não somente com sua produtividade, mas também com o bem-estar da equipe.

A sensação de pertencimento propicia um ambiente de trabalho mais harmonioso e saudável. Isso contribui para a diminuição do estresse, que pode ser causador de doenças ocupacionais psicossociais, como depressão e ansiedade.

Uma boa gestão SST é um investimento, melhora a imagem da empresa, mantém sua competitividade e credibilidade no mercado e contribui para sua saúde financeira.

Agora que você já sabe dos benefícios, é hora de elaborar sua estratégia!







Logo da Sesmo



ATENDIMENTO AO CLIENTE
SUPORTE:
sesmo@sesmo.com.br

COMERCIAL:
comercial@sesmo.com.br

TELEFONES
+55 (46) 2101-1845 (SUPORTE)
+55 (46) 2101-1845 (WHATSAPP)

HORÁRIOS DE ATENDIMENTO
SEGUNDA À SEXTA
8H30MIN ÀS 12HRS
13H30MIN ÀS 18HRS
HORÁRIO DE BRASÍLIA

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
ENVIAR
© 2019 | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Linking Sites.
Whatsapp da Sesmo
Fale agora com a Sesmo